terça-feira, 3 de março de 2015

Desconto em cartão laranja

Pedro a cantar no Metro


Coitado do Pedro, saiu do governo pobrezinho e não arranjou um emprego num banco porque já foram todos vendidos a estrangeiros.
Tentou uma cunha com os amigos chineses, mas os ingratos já se passaram para o Costa.
A Merkel também não tinha vagas para arrumador de carros.
Agora, anda a cantar no Metro enquanto não consegue ter direito ao RSI.
Neste país, ser um político honesto e cumpridor dos seus deveres fiscais e contributivos é muito duro.
Concurso de mentiras

segunda-feira, 2 de março de 2015

domingo, 1 de março de 2015

Mota das Baldas



Paulo Núncio, nos assuntos fiscais e Mota Soares, na Segurança Social têm perspetivas muito diferentes no que concerne aos deveres dos contribuintes.
Enquanto o primeiro procede a penhoras por dá cá aquela palha, o segundo dá baldas aos amigos, neste caso o primeiro-ministro, desculpando-se com eventuais erros administrativos do ministério que, supostamente, estará sob a sua responsabilidade.